Distúrbios de comunicação

Perguntas mais freqüentes

O que são distúrbios de comunicação?

Existem diversos tipos de distúrbio agrupados sob essa categoria. Alguns exemplos são os distúrbio de articulação, de voz, de linguagem e a gagueira.


O que é fissura labiopalatal?

É uma abertura na região do lábio ou palato, ocasionada pelo não fechamento
dessas estruturas, que ocorre entre a quarta e a décima semana de gestação. As fissuras podem ser unilaterais ou bilaterais e variam desde formas mais leves, como cicatriz labial e o úvula bífida, até formas mais graves, como as fissuras amplas de lábio e palato. Podem ocorrer fissuras atípicas envolvendo a região oral, nasal, ocular e craniana. No Brasil, a cada 650 crianças uma tem essa malformação labiopalatal, chamada popularmente de "lábio leporino".


Quais são as causas da fissura labiopalatal?

A causa é multifatorial, podendo combinar fatores genéticos e ambientais. O fator genético envolve uma inter-relação de várias informações genéticas herdadas dos pais. Dentre os fatores ambientais estão o uso do álcool ou de cigarros, a realização de raio X na região abdominal ou a ingestão de medicamentos com anticonvulsivantes ou corticóides durante o primeiro trimestre da gravidez.

Existe um Hospital de Reabilitação de Anomalias Craniofaciais (HRAC) da USP, em Bauru. O trabalho dessa instituição pode ser conhecido acessando http://www.centrinho.usp.br/

O que é dislalia?

É uma perturbação da fala caracterizada por hesitação repetitiva e demora na emissão das palavras ou pelo prolongamento anormal dos sons. A gaguez começa geralmente na infância, em 90% dos casos antes dos 8 anos. Afeta entre 1 a 3% da população adulta. Cerca de metade das crianças em que a gagueira persiste até aos 5 anos (pode começar entre os 2 e 4 anos), continuam a gaguejar quando adultos.

O que é ecolalia?

Ecolalia é a repetição da última palavra, som ou frase ouvida. Pode ser considerada um distúbio de comunicação semelhante à gagueira.

O que é afasia?

Afasia é um comprometimento verbal que implica em distúrbios de vocabulário ou de problemas quanto a compreensão de linguagem. A afasia possui as mesmas etiologias da disartria, muitas vezes um AVCI ou AVCH, que compromete as áreas do córtex cerebral, relacionadas com a linguagem.

A afasia pode ser classificada de diferentes maneiras, de forma simplificada podemos citar:

* afasia de recepção: na qual o indivíduo apresenta dificuldades para compreender a linguagem falada ou escrita;
* afasia de expressão: na qual o indivíduo apresenta dificuldades para expressar seus pensamentos por meio da fala ou da escrita, mesmo tendo intenção comunicativa;
* afasia receptiva/expressiva: na qual o indivíduo apresenta dificuldades para compreender o que lhe é comunicado e expressar seus pensamentos.


O que é disartria?

É a articulação defeituosa dos sons da fala sem comprometimento do processo
lingüístico. A dificuldade é devida a distúrbios motores dos órgãos da fonação, como língua e lábios, em conseqüência de lesões bulbares, cerebelares ou mesmo corticais (do córtex cerebral).

O que é dislexia?

A definição mais usada na atualidade é de Abril de 1994 e foi redigida pela International Dyslexia Association:
"Dislexia é um dos muitos distúrbios de aprendizagem. É um distúrbio específico da linguagem, de origem constitucional, caracterizado pela dificuldade de decodificar palavras simples. Apesar de submetida a instrução convencional, adequada inteligência, oportunidade sociocultural e não possuir distúrbios cognitivos e sensoriais fundamentais, a criança falha no processo de aquisição da linguagem. A dislexia é apresentada em várias formas de dificuldade com as diferentes formas de linguagem, freqüentemente incluídos problemas de leitura, de aquisição e capacidade de escrever e soletrar."

Saiba mais sobre dislexia

Dislexia: uma nova abordagem terapêutica - Trecho introdutório de um artigo sobre a nova metodologia de tratamento

Dislexia...Ou Distúrbios da Leitura e da Escrita? - Debates sobre o conceito de criança disléxica

Dislexia e Educação Inclusiva - Estima-se que, no Brasil, cerca de 15 milhões de pessoas têm algum tipo de necessidade especial

A Dislexia em sala de aula - Dificuldades de leitura na dislexia

Informática contra a dislexia - Estatísticas da Associação Brasileira de Dislexia indicam que cerca de 15% das crianças em idade escolar são disléxicas. Dessas, 76% dão homens e 24% mulheres

Informática contra a dislexia - Estatísticas da Associação Brasileira de Dislexia indicam que cerca de 15% das crianças em idade escolar são disléxicas. Dessas, 76% dão homens e 24% mulheres

Dislexia - A dislexia é um distúrbio de aprendizagem, congênito e hereditário

Dislexia e matemática - "Para exercer a cidadania, é necessário saber calcular, medir, raciocinar, argumentar, tratar informações estatisticamente"

Dislexia na escola - Dicas para melhor educar um aluno disléxico

Dislexia, as muitas faces de um problema de linguagem - É importante aceitar a dislexia como uma dificuldade de linguagem que deve ser tratada por profissionais especializados

O disléxico em casa - Confira dicas para ajudar seu filho nos processos de aprendizagem

O que é disgrafia?

O termo disgrafia refere-se à dificuldade de escrita. Assim, de acordo com a divisão tradicional, a disgrafia se subdivide em disgrafia específica, ou propriamente dita, e disgrafia motora . Na primeira delas, não se stabelece uma relação entre o sistema simbólico e as grafias que epresentam os sons, as palavras e as frases. A isto denomina-se simplesmente disgrafia. A segunda ocorre quando a motricidade está particularmente em jogo, mas o sistema simbólico não. A isto denomina-se discaligrafia, entendendo-a não somente como o resultado de uma alteração motora, mas também de fatores, o que altera a forma da letra. Os indicadores que se consideram para a disgrafia recebem os mesmos nomes que os indicadores de dislexia, apenas observa-se que na primeira estes ocorrem no momento de escrever (inversão, substituição, translação, omissão de palavras) e, na segunda, durante a leitura .


O que é gagueira?

A gagueira é cientificamente considerada como distúrbio ou transtorno de fluência da fala. A gagueira é involuntária, ou seja, a pessoa que gagueja não tem controle sobre a sua fala e não consegue evitar a ocorrência da gagueira, por mais que se esforce. O problema central na gagueira consiste em uma dificuldade do cérebro (mais especificamente dos núcleos da base) em sinalizar o término de um som ou de uma sílaba e passar para o próximo som ou sílaba. Desta forma, a pessoa consegue iniciar a palavra, mas fica "presa" em algum som ou sílaba (geralmente o primeiro) até que o cérebro consiga gerar o comando necessário para dar prosseguimento com o restante da palavra. Geralmente a dificuldade do cérebro em gerar comandos para terminar um som ou sílaba no tempo previsto manifesta-se externamente como bloqueios, prolongamentos e/ou repetições de sons ou sílabas. Entretanto, também é possível que as manifestações externas não ocorram ou ocorram muito pouco, caracterizando o que é conhecido como "gagueira encoberta". Em todo o mundo, a incidência da gagueira é de 5% e a prevalência é de 1%. A gagueira pode ser causada por herança genética (55% dos casos) ou por lesão cerebral (45% dos casos).

Site selecionado:
http://www.gagueira.org.br - Instituto Brasileiro de Fluência - IBF


O que é autismo?

Segundo a ASA, Autism Society of America, o autismo é um distúrbio de desenvolvimento permanente e severamente incapacitante que costuma aparecer durante os três primeiros anos de vida. O autismo é quatro vezes mais comum em pessoas do sexo masculino e tem sido encontrado em todo o mundo. No Brasil, devem existir de 65000 a 195000 autistas, um cálculo baseado na proporção internacional, já que nenhum levantamento desse tipo foi ainda realizado.

Quais são os sintomas do autismo?

* Lentidão ou falhas no desenvolvimento de habilidades físicas, sociais e
de aprendizado
* Ritmos imaturos de fala com limitação na compreensão de idéias e uso de
palavras sem associação ao seu significado usual
* Respostas anormais dos sentidos, afetando uma combinação qualquer de visão, tato, audição, dor, equilíbrio, olfato, gosto e postura
* Maneiras anormais de relacionamento com eventos, pessoas ou objetos
* Aproximadamente 60% dos autistas apresentam valores de QI abaixo de 50,
20% oscilam entre 50 e 70 e 20% tem valores acima de 70.

Quais são as causas do autismo?

São possíveis várias causas isoladamente ou em combinação, como rubéola, predisposição genética ou exposição química durante a gravidez.

O que é transtorno autista?

O DSM-III-R (Manual de Diagnóstico e Estatística de Distúrbios Mentais - DSM-III-R (APA)) cataloga 16 critérios para o transtorno autista, agrupados
em três categorias:

* Comprometimento da interação social;
* Comprometimento da comunicação;
* Repertório restrito de atividades.

Para receber o diagnóstico de Transtomo Autista, o paciente deve reunir pelo menos 8 dos 16 critérios. Esse transtorno é também chamado de autismo infantil precoce, autismo da infância ou autismo de Kanner.

Sites selecionados:
http://mkmonline.com.br/~camargos/autismo3.htm">
http://www.mps.com.br/InfoServ/renascer/neurologia.htm
http://www.dislexia.org.br/abd.html
http://www.mococaonline.com.br/sua_saude/sua_saude01.htm
http://www.psicologia.ufrj.br/ementas/IPA541.htm

Leia mais

Linguagem e autismo - Objetivo, metodologia e resultados de uma monografia apoiada pelo cnpq

Informações sobre o autismo - Explicações sobre as características da doença e referências bibliográficas

Estratégia de tratamento medicamentodo do autismo infantil - Revisão da literatura sobre estratégias de tratamento para os sintomas do Autismo Infantil

O diagnóstico precoce do autismo - Instrumentos diagnósticos para clínicos

... O que é autismo? ...Tem cura? ... - Os sinais de autismo podem ser percebidos já nas primeiras atitudes da criança, inclusive quando ela vai ao consultório

The Secrets of Autism - Cientistas norte-americanos estão preocupados com o aumento inexplicável do número de portadores de autismo e síndrome de Asperger no vale do silício

Considerações sobre autismo e sexualidade - O propósito é de capacitar pais e profissionais a agirem corretamente quando confrontados com esta questão

O desenvolvimento da criança com autismo - Para compreender o autismo é preciso ter conhecimento sobre o desenvolvimento normal da criança para que haja distinção do que seja um comportamento autista

Autismo: saiba como lidar - As causas deste transtorno de desenvolvimento ainda não foram descobertas

Pesquisadores apontam potencial causa do Autismo - Mutações no gene vital para o desenvolvimento do cérebro talvez venham a prever o autismo

El mundo de la Hipoacusia - Na fronteira entre a audição e o silêncio. Um mundo sem palavras

La metáfora de un pequeño ángel - Autora conta sua experiência de trabalho com um menino autista

Queridos pais e amigos! - Ivana Vasconcellos conta a história de seu filho autista

La comunicación en chicos con autismo no verbal - Aplicação de sistemas alternativos de comunicação - utilização de símbolos e objetos - auxilia no desenvolvimento da fala de crianças autistas

Não chorem por nós - Por Jim Sinclair, um "Autista Asperger"

Não chorem por nós - Por Jim Sinclair, um "Autista Asperger"

O mundo de Carla - Surda e com traços de autismo, Carla se comunica através de seus desenhos

Estratégias para estabelecer interação de crianças com autismo e o computador - Artigo de Marilei de Fátima Kovatli, João Bosco da Mota Alves e Elisabeth Fátima Torres

Fatores de Risco Teratogênicos na Gênese do Autismo - Estudo sugere associação entre autismo, fatores genéticos e fatores ambientais

Inclusão escolar de crianças com autismo - É preciso enxergar as pessoas com deficiência como diversas em vez de desviantes

Autismo: Acompanhamento com carinho - Texto do Jornal da USP explica as peculiaridades dos autistas, como acompanhá-los e observar seus talentos

Os segredos do autismo - As últimas descobertas sobre o transtorno, que atinge um milhão de pessoas no Brasil

Dicas de ensino para crianças e adultos com autismo - Texto encontrado por Tereza Cristina (APAE de Betim-MG) e traduzido por Kathia (Delegada Regional e funcionária da APAE (Betim-MG)

Dentro da Mente Autista - Uma riqueza de nova pesquisa sobre o cérebro e emocionante testemunho de pessoas que têm autismo está levantando o véu de sobre esta condição misteriosa

São Paulo ganha centro público para tratamento de autismo - Unidade inaugurada no complexo hospitalar Philipe Pinel possui 12 leitos

Diagnóstico alternativo para o autismo - Pesquisa aponta eletroencefalograma como saída para detectar o distúrbio de maneira mais acessível à população

Voltar para Index de Deficiência

Compartilhe:

Busca

Busca do governo

* Estatísticas

Visitas: 31.372.864

* Realização:

logo da USP logo da PRCEU

* Fale Conosco

Entre em contato com o Programa USP Legal